Chinelo crocs chawaii flip preto | netshoes com melhor preço

Vendido e entregue por Netshoes

Ver o preço deste produto

Tempo restante para atualização de preço. Clique abaixo e obtenha maiores informações sobre o produto na loja Netshoes!

Realize a compra deste produto com total segurança diretamente na loja Netshoes.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais!
Detalhes de Chinelo crocs chawaii flip preto | netshoes

Descrição

Anatomicamente pensado para o bem estar dos seus pés, o Chinelo Crocs Chawaii Flip é uma ótima pedida ...

Não perca a oportunidade de comprar Chinelo crocs chawaii flip preto | netshoes pelo melhor preço!Compre agora diretamente na loja Netshoes com toda segurança

Quero ir à lojaComprar este produto


planejamento governamental

planejamento governamental

O governo, segundo Francisco et al (2000), utiliza técnicas de planejamento e programação de ações que são condensados no chamado Sistema de Planejamento Integrado, que busca analisar a situação atual para identificar as ações ou alterações a serem desenvolvidas para atingir a situação desejada. O sistema de Planejamento Integrado busca, por meio da escolha de alternativas prioritárias, o melhor emprego dos meios disponíveis para minimizar os problemas econômicos e sociais existentes. No Brasil, este sistema também é conhecido como processo de Planejamento-Orçamento. No decorrer deste documento muitos conceitos e procedimentos utilizados no desenvolvimento do processo de planejamento no âmbito do serviço público dizem respeito aos conceitos de planejamento estratégico. Essa concepção é corroborada por Matias-Pereira, (2007), que afirma que o planejamento estratégico é uma prática essencial na administração, seja ela pública ou privada, devido aos benefícios que a utilização desta ferramenta traz às organizações. Entre eles, pode-se destacar a elevação da eficiência, eficácia e efetividade da organização, pois contribui para evitar a desorganização nas operações, bem como para o aumento da racionalidade das decisões, reduzindo os riscos e aumentando as possibilidades de alcançar os objetivos traçados. Outro pesquisador de renome internacional, Porter (apud Matias-Pereira 2007), ao comentar o assunto define estratégia como um movimento da organização da sua posição atual, para uma desejável, mas incerta posição futura. Em virtude desta incerteza, o planejamento estratégico vem ganhando importância no setor público e privado, principalmente pela necessidade de adaptação à conjuntura, visto que a velocidade das mudanças tem crescido bastante, especialmente nos campos econômico, social, tecnológico e político (MATIAS-PEREIRA, 2007). Segundo Pfeiffer (2000), o planejamento estratégico tem dois propósitos: por um lado, pretende concentrar e direcionar as forças existentes dentro de uma organização, de tal maneira que todos os seus membros trabalhem com foco na mesma direção; por outro lado, procura analisar o entorno da organização, ou seja, o ambiente externo, e adaptá-la a ele, para que seja capaz de reagir adequadamente aos desafios que tiver. A intenção é que a organização conduza o processo de desenvolvimento para não ser conduzida por fatores Neste sentido, De Toni (2009) coloca que o processo de planejamento, portanto, diz respeito a um conjunto de princípios teóricos, procedimentos metodológicos e técnicas de grupo que podem ser aplicados a qualquer tipo de organização social que demanda um objetivo, que persegue uma mudança situacional futura. O planejamento não trata apenas das decisões sobre o futuro, mas questiona principalmente qual é o futuro de nossas decisões. O planejamento, ao “ver” (e simular) o futuro, continua De Toni (2009), amplia o exame do presente, alterando-lhe as condições, o que promove o futuro desejável e possível. Se tentarmos submeter o ritmo do desenvolvimento dos acontecimentos à vontade humana, devemos imediatamente pensar que governar em situações complexas exige exercer a prática do planejamento estratégico até seu último grau. Para atingir este objetivo será necessário entender e ultrapassar muitos pré-conceitos em relação à atividade de planejamento no setor público.




desafios na implantação da estratégia no planejamento

desafios na implantação da estratégia no planejamento

As estratégias devem ser de fácil compreensão e orientadas. Para que isso ocorra, é essencial responder algumas questões antes de iniciar o processo. Na sequencia, apresentaremos alguns desafios que foram elencados por Costa (2005): • Qual é a razão de ser da empresa? • Por que ela foi ou será criada? • Em que ramo está a empresa? • Quais são as partes interessadas? • Quais seus princípios e valores? A estratégia não dá garantias de sucesso. Toda estratégia é tomada como base para as suposições que possam ocorrer em determinado fato, que venha a afetar favorável ou negativamente na empresa. O que determina se a estratégia aplicada foi adequada ou não é seu sucesso. Somente através do resultado final é que poderemos afirmar se a estratégia aplicada para determinado problema na empresa foi adequada ou não. Caso a estratégia atinja os objetivos propostos, aí sim poderemos dizer “a estratégia aplicada deu certo!”. Evidentemente a estratégia planejada não deverá ser inflexível e, apesar de ser baseada em suposições, poderá mudar a qualquer momento, sempre sendo adotada com base nos objetivos organizacionais. Para saber se o nível ou a estratégia é a adequada, os membros da organização devem se questionar: • A estratégia a ser adotada vai ao encontro dos objetivos organizacionais? • A estratégia oferece mais riscos ou oportunidades? • A estratégia é adequada aos valores da empresa? • A estratégia possui um diferencial competitivo? • A estratégia contempla as exigências dos consumidores? • A estratégia tem vantagens competitivas? É fundamental que essas perguntas sejam amplamente debatidas e respondidas. Entretanto, as mesmas deverão estar em sintonia com os princípios da empresa, para que a mesma não venha a ser abortada. Deverão também ser respondidas algumas questões, como: • Existe disponibilidade de recursos para a implantação da estratégia? • A estratégia está alinhada com relação aos produtos e serviços que oferta aos clientes? • Qual o posicionamento da estratégia com base no Ciclo de Vida dos Produtos? • Quais segmentos de mercados serão atendidos? • As estratégias da empresa são inferiores em relação aos da concorrência? Assim, é essencial que haja a maior atenção possível para que os membros das organizações não sejam pegos de surpresa diante de um fato inesperado e que venha de encontro com os objetivos propostos.




vazam imagens da suposta função de chamadas no whatsapp

vazam imagens da suposta função de chamadas no whatsapp

Gente, o mês nem bem começou e as notícias não param de chegar aqui nos bastidores do blog! Olha só, fiquei sabendo que o WhatsApp estaria desenvolvendo uma função de chamadas de voz no aplicativo. Ficou curioso? Vem com a gente, que eu conto tudo!

Então, esse novo recurso pode funcionar por VoIP – lembra que eu falei disso aqui? Pois é, mas mesmo com a demora dessa nova função que faz teeempo que eles estão testando, uma nova pista indica que a ferramenta está próxima de ser lançada, viu? Isso porque, no último final de semana, uma pessoa compartilhou no fórum do site Reddit o que parece ser uma imagem do recurso. Como você pode ver pela imagem divulgada, a ferramenta seria batizada de “Calls” – que quer dizer Chamadas em bom português ficaria localizada em uma aba ao lado das conversas. Há quem diga que o recurso já está disponível para testes nesta versão aqui: 2.11.508 do app, para Nexus 5 e Lollipop 5.1. Curioso, não é mesmo? Gente, tudo é muito legal, mas por enquanto não é oficial. Olha só esse vídeo no YouTube, que foi postado por uma pessoa que fez o teste mostrando como seria a função:

E você o que acha dessa novidade sobre a função de chamada do WhatsApp? Conta pra mim!




samsung anuncia produção de smartphone dobrável ainda em 2016

samsung anuncia produção de smartphone dobrável ainda em 2016

Já faz um tempinho que eu comentei aqui no blog, que a Samsung estaria pensando em lançar uma linha de celulares com telas dobráveis, lembra? Pois é, agora, o que parecia ser apenas uma possibilidade, pode estar bem perto de acontecer. E o mais legal: ainda este ano!

Olha só, em um novo relatório divulgado pela a marca sul-coreana, a produção de telas dobráveis começa ainda em 2016, mas às vendas só terão início no próximo ano. Tudo indica que o novo dispositivo da Samsung terá uma tela dobrável OLED de 5 polegadas, mas quando o celular estiver aberto pode se tornar um tablet de 7 polegadas. Ah, além disso, ele pode ter 3GB de memória RAM e espaço para cartão microSD em um processador potente! Gente, na verdade, a ideia dos celulares dobráveis não é nova, mas ela tem ganhado força como uma tendência pra inovar o mercado de smartphones. Agora, cá entre nós, se esse projeto realmente cumprir o prazo, a Samsung será pioneira na produção em massa, que aliás, é o principal objetivo da marca para o segundo semestre deste ano.


O que você encontra no QueroBarato!

Milhões de produtos das melhores lojas

Maiores lojas do Brasil são mais 100 opções

Centenas de Cupons com ótimos descontos

Informações atualizadas de todos os produtos

Quer receber novidades, cupons e ofertas exclusivas?

subir

Pesquise no QueroBarato! e compre diretamente nas maiores lojas do Brasil